English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 24 de abril de 2012

Mudar de Casa

Chega um tempo na vida da gente que sentimos a necessidade de mudar, seja de casa ou de nós mesmos… largar coisas muito enraizadas e profundas, mas que já não servem mais.

Então surge a ideia de olhar casas novas, em todos os sentidos!

Quem sabe algumas que possuam ruas estreitas que precisamos percorrer… ou outras que fiquem em ladeiras bem íngremes, para desenvolver a nossa força. Ou quem sabe simplificar, resgatar o velho e criar um novo lugar!

Ou talvez procurar uma nova casa, que tenha muita água por perto, para amolecer a nossa argila, que são as nossas crenças…

Muitas vezes não é necessário trocar de casa, mas olhar com outros olhos para dentro dela. Quem sabe, olhando melhor, possamos visualizar um rio com águas transparentes, que tem a capacidade de levar embora as preocupações que não precisamos mais!

Ou ainda águas que reflitam o nosso interior!

E se ainda pudermos ir para perto do mar, que maravilha! Quantos ensinamentos ele tem para nos dar, basta se aquietar e observar! Lugares que tenham água por perto, ajudam a amolecer a terra seca, que são iguais a nossa dureza, rigidez e incompreensão.

Olhar através de arcos, resulta em enxergar aquilo que realmente precisamos ver! Começar a entender que a casa é a nossa morada, somos responsáveis por ela. Podemos dar cor ou não… mas o colorido exige mais cuidado!

Observar se não estamos construindo muros muito fechados em volta da nossa casa. Muros separam, pontes ligam, aproximam. Através das pontes podemos ver o outro lado. Conhecer o outro lado muda a nossa percepção…

Nos transforma… começamos a ter uma nova visão!

E com a nova visão, fica mais fácil pensar na nova construção ou reforma. Será que precisamos nos aproximar mais das pessoas? Por acaso nos isolamos demais? Ou precisamos nos aquietar mais? Quem sabe um lugar mais alegre? Ou precisamos caminhar silenciosamente por ruas desconhecidas…

Olhar para nossa casa requer coragem e força … é enxergar o que precisa ser mudado e se desapegar do velho!

É olhar fundo…

E quando o desapego acontece, ele nos leva à situações caóticas, mas valiosas! Neste momento surge uma confusão de cores e caminhos.

É a reforma!

Muitas vezes surge o frio e o escuro, mas como tudo passa, sempre vem o novo dia para clarear! Sem dúvida, toda reforma ou mudança traz “caos”. Mas precisamos lembrar que vale à pena, o resultado chega!

Se a angústia bate à porta é hora de abrir e atender. Ela vem avisar que alguma coisa precisa mudar! Quem sabe uma pausa para refletir sobre tudo isso!


Olhar para o rio e perceber que ele corre sozinho… tem seu tempo. Faz seu curso e segue livre e a cada lugar que o rio passa, ele vê novas paisagens…

E nós, queremos nos fixar, permanecer!

É hora de recomeçar, mudar de casa ou reformar. Assumir novas responsabilidades, ser dono dela. Com certeza não é fácil, mas vale à pena!

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Sonhos ...

Quando os nossos sonhos se acabam, fica um vazio imenso, uma vontade de parar, de desistir de tudo ...

É um período difícil, em que os dias, as horas, e até os segundos são longos ... 

Não conseguimos progredir ... 

Falta vontade, motivação, falta amigo disposto a sofrer junto com a gente ...

Fechamo-nos para tudo e para todos, como se nada importasse, como se nada tivesse mais algum valor ...

Vamos nos destruindo pouco a pouco ...

Por que será que muitas coisas em que acreditamos, chegam ao fim?

Acreditamos na felicidade eterna, e muitas vezes ela não passa de um pequeno tempo ...

Tempo suficiente para deixar uma saudade infinita das coisas vividas, e isso dói muito ...

Até que chega um dia ...

E um novo sonho começa a dar o ar de sua graça, chegando de mansinho, tentando abrir os cadeados do nosso coração ...

Estamos trancados, com um enorme medo de sofrer de novo. Mas mesmo assim, o novo sonho vem chegando e trazendo na mala tudo de novo ...

E como todo novo sonho, é regado de novidades que fascinam, mexendo com emoções adormecidas, mas trazendo de volta a emoção de viver, amar e recomeçar!

E é tão bom quando tudo isso ressurge, porque podemos avaliar melhor a vida ...

Temos que transformar cada pequeno instante, em grandes momentos ...

Eliminar tudo que maltrata o nosso corpo, o nosso espírito, e dar lugar somente ao que nos engrandece como verdadeiro ser humano e filho de Deus!

E se os seus sonhos aparentemente estiverem nas nuvens, não se preocupe ...

Eles estão no lugar certo.

Construa os alicerces, e suba!

Nunca desistindo novamente de você e de ser feliz!

terça-feira, 10 de abril de 2012

Ser amigo!

Fala pessoal, belezinha?

Hoje vou falar sobre melhores amigos, e quem não os tem?

Acho que todo mundo tem melhores amigos, mesmo que os sentimentos não sejam sentidos e pensados da mesma maneira e com a mesma intensidade.

Para mim, melhor amigo é quem está do seu lado passe o tempo que passar e façamos nós o que fizermos!

Melhor amigo é dizer no momento certo, tudo aquilo que devemos ouvir, seja isso algo bom ou ruim.

Amigo é quem nos abraça como se não houvesse amanhã, é quem nos enche de carinho e de mimos, mas também quem grita e porque não, discute com a gente, talvez pelo óbvio fato de que se preocupa demasiadamente conosco!

Até porque, melhor amigo não é ter sempre a mesma opinião e concordar sempre com as mesmas coisas, não dizer sim quando sabemos que quer dizer não!

Ser amigo é apoiar e aconselhar, é dizer "Não concordo, mas estou do teu lado".

É quem te levanta quando caís, é quem se deita no chão de tanto rir contigo, é quem com um simples olhar consegue perceber tudo!

Um grande amigo não precisa que você diga "Estou mal", pois ele sabe logo disso. Ser amigo não é passarmos juntos horas a fio, é passar sim os grandes momentos a cada dia!

Para mim, um grande amigo é quem acima de tudo confia em você e não deixa de acreditar em você nos bons e maus momentos!